Ponto Cruz: acrescente mais esta técnica de bordado ao seu ateliê

Ponto Cruz: acrescente mais esta técnica de bordado ao seu ateliê

O bordado está em alta, e uma das técnicas mais tradicionais é o ponto cruz. Esse método de bordado já é bem antigo, e permite que você se aventure por infinitas possibilidades, bordando coisas como letras, desenhos variados, personagens e até composições detalhadas.

Nessa técnica, os pontos formam um X e ficam de tamanho e aparências uniformes, o que torna o bordado simétrico e muito bonito. Confira os materiais necessários para desenvolver esse método, além de tutoriais e várias inspirações para você começar hoje mesmo.

Materiais necessários para bordar ponto cruz

  • Agulha de ponta grossa: a agulha usada para fazer ponto cruz é diferente das outras. Ela possui a ponta arredondada e não tem bico, assim não fura os dedos. É sempre bom ter pelo menos mais duas agulhas reservas, porque, por serem muito pequenas, tendem a desaparecer com facilidade.
  • Etamine: também conhecido como tela aida, quadrilé e talagarça, é o tecido mais utilizado e simples para o ponto cruz. Ele contém pequenos quadrados que tornam a contagem e o bordado mais fácil. É um tecido 100% algodão e com diferentes tramas (espaço entre os fios do tecido), cuja unidade de medida é o count. Pode aparecer em 6 count, 8 count, 11 count, 14 count, 16 count, 18 count e 20 count e tem que ver com os orifícios que se formam na trama (horizontal e vertical) do tecido. Quando menos count mais largo é a tela.
  • Tesoura grande: a tesoura grande é única e exclusivamente para cortar o tecido, porque assim terá mais tempo de vida útil. Ela deve ser grande porque é mais firme para cumprir sua função.
  • Meadas (novelos de linha): as meadas de linha, normalmente, são de algodão. Quando os tecidos usados para bordar são finos, de trama muito apertada, é recomendado usar 1 ou 2 fios de cordão de meada, mas se a trama for espaçada, utiliza-se de 3 a 5 fios do mesmo cordão. Quanto mais fios forem usados, mais separadas ficarão as cruzadinhas, tornando o bordado mais delicado.
  • Tesoura pequena: a tesoura que você vai usar para cortar as linhas deve ser aquela bem pequena e com ponta. A sua lâmina é muito afiada e corta as linhas com facilidade.
  • Gráficos: os gráficos é que vão te guiar no bordado. Você pode encontrá-los em revistas ou em sites. Para iniciantes, é bom optar por gráficos mais simples e, conforme for aprimorando a técnica, ir se aventurando em trabalhos mais complexos.
  • Bastidores: nem todo mundo usa, mas eles são ótimos para fixar seu tecido. São feitos de madeira, plástico ou metal, e mantém o tecido esticado, permitindo equilibrar a tensão da linha.
  • Caixa organizadora: a caixa organizadora é uma dica bem legal para facilitar sua vida. Nela, serão armazenados os materiais que você irá utilizar para bordar. Opte por caixas com divisórias para ajudar ainda mais na organização.

Ponto cruz: dicas e passo a passo para iniciantes

Agora que você já sabe quais materiais precisa para começar, é a hora de por a mão na massa. Confira alguns tutoriais que vão te ajudar nesse processo:

1. Como cortar o etamine

Cortar o etamine de forma correta é fundamental para não estragar o tecido. Siga as linhas e tome cuidado para que o corte não fique torto.

2. Como começar, arrematar e tirar a linha da meada

Agora você realmente vai aprender a bordar. Com o passo a passo desse tutorial você confere a maneira correta de tirar a linha da meada, além de aprender também como começar a fazer ponto cruz e seus acabamentos.

3. Como ler gráficos de ponto cruz

Saber ler os gráficos é fundamental para dar continuidade ao aprendizado. Descubra a função das linhas pretas, identifique o tamanho do bordado e outras informações importantes.

4. Como fazer ponto cruz avesso

Comece fazendo alguns exercícios simples para treinar. Neste você irá aprender a fazer o ponto do avesso.

5. Carreiras na vertical e horizontal

Aprenda a fazer o movimento de sobe e desce, e a mudar a direção do bordado quando estiver fazendo algum desenho mais elaborado.

6. Técnica para bordar nomes

Para bordar nomes, você precisa contar os pontos e marcar certinho o espaço que será utilizado no tecido.

7. Como fazer contorno

Aprenda a fazer contorno nos seus desenhos de ponto cruz para deixar o bordado ainda mais bonito.

Agora você já sabe as técnicas básicas para começar a bordar, então é só treinar e ir avançando aos poucos. Logo menos estará fazendo bordados complexos e lindos.

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *